quinta-feira, 4 de março de 2010

8.




Para aqueles pais que consideram que a atitude correcta perante a homo/bissexualidade de um filho é a rejeição (porque "pode ser que lhe passe"). Aqui fica um número:

Jovens adultos gays, lésbicas e bissexuais que tenham sofrido rejeição por parte das respectivas famílias têm uma tendência 8 vezes maior a cometer suicídio do que outros jovens LGB.

Espero que faça pensar aqueles pais que, de alguma forma, tomaram uma atitude mais negativa em relação à diferença dos filhos. É que a menos que, efectivamente, queiram a morte destes, cumpre que modifiquem alguns comportamentos.

Sem comentários:

Enviar um comentário