domingo, 7 de fevereiro de 2010

Fundamental é a responsabilização dos proprietários de armas de fogo.



No nosso singelo país plantado á beirinha do Atlântico já existem diversas garagens de Lisboa que fabricam os componentes da mais famosa arma de guerrilha: a espingarda de assaltu russa AK-47, mais conhecida pelo nome do seu criador, Kalashnikov.

Em Portugal é relativamente complicado adquirir, de forma legal, uma arma de fogo. As leis parecem, no tocante ao acesso às licenças de uso e porte de arma, estarem bem feitas, limitando o número daqueles que às mesmas têm acesso. Sabe-se, contudo, que a maior parte das armas que entram no circuito ilegal de transacção se devem a roubos motivados pelo extremo descuido dos legais proprietários das mesmas. Cumpre, assim, que a negligência na guarda de uma arma de fogo seja punida de forma mais gravosa, para que assim, caçadores e outros amantes dos disaros por diversão tomem consciência que manter uma arma em casa não é o mesmo que guardar uma consola de jogos ou uma decoração de parede.

O que os inúmeros acidentes doméstico que se dão pelo manejo de armas de fogo por criança nos dizem é que os donos desse tipo de armamento o guardam, muitas vezes, em locais que nem sequer se encontram fechados á chave. Ora uma arma de fogo, devia, no mínimo, se se pretende ter a mesma em casa, estar guardada num cofre, sendo que o melhor seria mesmo que os proprietários fossem obrigados a manter as mesmas num cofre bancário.

A responsabilização dos donos das armas contribuirá, assim, para a diminuição das tragédias domésticas e da circulação de armas ilegais.

2 comentários:

  1. Tem alguma referência que suporte a sua informação de que a maior parte das armas usadas em roubos foram roubadas a alguém que as possuía legalmente? Gostava de a ver, caso a tenha.

    Obrigado

    Nuno

    ResponderEliminar
  2. Nuno, pode encontrar essa referência no Relatório do SEMINÁRIO “VIOLÊNCIA E ARMAS LIGEIRAS: UM RETRATO PORTUGUÊS”
    do NÚCLEO DE ESTUDOS PARA A PAZ (NEP/CES)da Faculdade de Economia da Univerisade de Coimbra.

    Disponível em http://www.ces.uc.pt/iframe/nucleos/nep/pdfs/RelatorioSeminarioArmas.pdf

    ResponderEliminar